terça-feira, 20 de junho de 2017

Gengis Khan e a globalização

 Texto publicado no site Opinião e Notícia

 *****

 

"O conquistador mongol que ligou o mundo ocidental ao oriental de forma nunca antes vista morreu em 1227"






Morre Gêngis Khan 
"Seu nome verdadeiro era Temudjin 
(Foto: Wikimedia)
Em 18 de agosto de 1227, morreu Gêngis Khan, lembrado como um conquistador bárbaro e cruel que dominou toda a Ásia, o Oriente Médio e a Europa Oriental no século XIII.
Ele foi, basicament,e o homem que lançou as bases da globalização ao ligar o mundo ocidental ao oriental de forma nunca antes vista.
 
Seu nome verdadeiro era Temudjin. Não há um consenso sobre a data de nascimento, alguns dizem que foi no ano de 1155, outros dizem que foi em 1167. 

Durante seus primeiros anos, ele viveu com a família. 

Aos nove anos, perdeu o pai, assassinado pelos tártaros, o povo mais feroz da Mongólia. 
Como foi abandonado pela sociedade local por conta da morte do pai, Temudjin,  mãe e  irmãos foram viver nos montes Kentai, na Mongólia.
Quando casou, ficou sob a proteção da poderosa família da noiva, os Kereyt, turcos cristianizados. 
Em poucos anos, Temudjin se impôs e adquiriu ascendência considerável sobre os que falavam sua língua, o mongol. 

Em 1202, vingou o pai vencendo os tártaros e obrigando-os a servi-lo.
Em 1206, uma assembleia plenária das tribos elegeu Temudjin chefe de toda a Mongólia oriental, com o título de “chefe oceânico”, o Cinggis Kaghan, na língua mongol. 

O Ocidente o transformou em Gêngis Khan.
Fundou o maior império da história em extensão contínua de terra. 

 Ele e seus sucessores só não conquistaram a Europa ocidental, a África, as Índias e as ilhas da Ásia oriental. 

Mas conquistaram todos os outros territórios entre o Pacífico e o Mediterrâneo.
Gêngis Khan morreu, durante uma campanha, no dia 18 de agosto de 1227, sem conhecer uma parte do território que seus homens conquistaram."

*****************************

Nenhum comentário: